1. Continuidade da Greve com nova assembleia na quinta-feira, 16/6, às 17h, no Auditório da Geografia;
  2. Propor ao Sintusp e DCE a realização de Ato contra o desmonte da USP em frente à reitoria. Decidimos que esse ato deve ser precedido de um abraço à sede do Sintusp, manifestando nosso apoio aos funcionários na luta pela manutenção da sede de seu sindicato; a data inicialmente proposta mostrou-se inviável e estamos acordando nova data.
  3. Encerrar a assembleia e caminhar até a reitoria da USP para cobrar a resposta às solicitações de audiência com o Reitor, até aquele momento sem resposta, conforme relato acima.
  4. Remeter às assembleias setoriais para discussão, a proposta de cotas raciais para acesso à universidade, incluindo o projeto de lei em tramitação na Assembleia Legislativa, já aprovado pelo Grupo de Trabalho de Etnia, Gênero e Classe da Adusp;

Clique aqui para baixar o conteúdo integral do Boletim de Greve de 14/06/2016.

Privatização / Conflito de interesses / Fundações

A pedido do reitor, tropa de choque da PM agride manifestantes

Ato de repúdio à violência institucional e policial na USP

Crise de Financiamento das Universidades de São Paulo

Audiência Pública na Alesp em 15/5/2017