Os professores da USP, reunidos em assembleia no dia 14/09 de 2017, aprovaram dois documentos para reflexão e debate sobre que Universidade queremos e qual o papel dos processos de avaliação em nossa Universidade.

 

  1. Programa da Adusp para a USP (disponível aqui)
     
  2. Moção de Repúdio às diretrizes preliminares propostas pela Câmara de Avaliação Institucional (CAI):

A assembleia da ADUSP de 14/09/17 vem manifestar seu veemente repúdio ao documento enviado pela Comissão de Avaliação Institucional (CAI) sobre as diretrizes para elaboração dos projetos acadêmicos das unidades.

Os departamentos, órgãos equivalentes e unidades são os responsáveis pela reconhecida qualidade do trabalho desenvolvido na Universidade e por isso não necessitam da tutela da administração central para impor-lhes diretrizes na confecção de seus projetos acadêmicos. De fato, são esses projetos que deveriam orientar um projeto institucional para a Universidade.

Mais ainda, esse documento da CAI representa o início da implantação de um processo de avaliação docente e institucional que trará graves consequências para as relações e condições de trabalho, para o RDIDP e para a indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, bases da qualidade da universidade e do seu reconhecimento no cenário nacional e internacional.