• Aprovação da declaração "Basta! Fora Zago!";
  • Campanha "Fora Zago";
  • Campanha de luto pela violência cometida contra a comunidade da USP; 
  • Paralisação em 15/03, a partir das 12h - dia nacional de luta pela educação pública e contra as reformas da previdência e trabalhista;
  • Paralisação no dia da reunião do Co para a votação dos destaques aos "Parâmetros de sustentabilidade ecônomico-financeira";
  • Ato de desagravo no dia 20/03, às 17h, com a presença de parlamentares, intelectuais, movimentos sociais, centrais sindicais;
  • Debate sobre o financiamento da universidade;
  • Estado de Assembleia Permanente.