Preocupados com os indícios de que a Reitoria da USP procura novamente fazer aprovar a desvinculação do Hospital Universitário (HU) na próxima reunião do Conselho Universitário (Co), funcionários do HU aprovaram, em 2/12, promover um dia de paralisação e um ato em defesa da manutenção do vínculo desse órgão complementar com a instituição, a realizar-se em 8/12.
 
A despeito da ausência de qualquer fundamentação acadêmica ou de interesse público dessa proposta lançada em 2014, quando, em greve, docentes, estudantes e funcionários técnico-administrativos lograram que não fosse efetivada, a Reitoria vem, desde então, promovendo o desmantelamento sistemático do HU, com o objetivo de inviabilizar seu funcionamento e de naturalizar sua desvinculação da USP.
 
A assembleia geral da Adusp manifesta seu repúdio a qualquer iniciativa com vistas à desvinculação do HU. Manifesta, ainda, apoio a todos que se empenham na defesa desse hospital e na manutenção de seu vínculo como órgão complementar da USP, face à relevância das atividades de ensino, pesquisa e extensão e do atendimento de saúde ali promovidos.
 
 
São Paulo, 2 de dezembro de 2015
Assembleia Geral da Adusp-S. Sind.
 
 
Destinatários:
Reitoria da USP
Conselho Universitário (Co)