O cronograma fala por si:

5/4/2010 - Última petição protocolada no processo, pela Adusp.

27/4/2010 – Única reunião realizada entre a Adusp e a atual gestão da Reitoria. Adusp entrega, em mãos, cópia da petição de 5/4 (relato da reunião no Informativo Adusp 305).

Maio a julho/2010 - Adusp finalmente vê atendida sua reinvidicação de que fossem disponibilizados no sistema Marte os holerites de 1987 dos beneficiários. Entretanto, a Adusp e docentes identificam erros, que são apontados para a Reitoria.

16/8/2010 - Adusp envia mensagem à administração, solicitando reunião para tratar especialmente das informações disponibilizadas pela universidade no sistema Marte, incluindo a definição de um cronograma com prazos para a solução dos problemas identificados, e para a entrega ao juiz dos pagamentos efetuados aos beneficiários em 1987.

3/9/2010 – Adusp envia ofício ao reitor solicitando novamente que marque uma reunião.

3/9/2010 – o Boletim USP Destaques publica nota que dá a entender que a agilidade da execução da sentença do juiz dependeria de a Adusp apresentar as contas. A nota deixa de mencionar que para efetuar os cálculos do montante devido a cada beneficiário, relativo ao ano de 1987, é necessário que a USP forneça oficialmente os valores de vencimentos e proventos dos beneficiários em 1987. Por outro lado, a incorporação imediata de 32,96% nos salários pode ser feita de pronto pela USP: não requer cálculo algum.

8/9/2010 - Codage envia mensagem à Adusp informando que somente têm acesso ao sistema Marte os docentes que mantêm vínculo com a USP e que os docentes desligados podem solicitar cópias dos holerites de 1987 nas unidades onde estiveram vinculados naquele ano. Quanto aos herdeiros dos docentes falecidos, sugere que a Adusp faça a triagem dos sucessores legais e comunique à administração da USP para que possam providenciar a entrega dos dados de 1987. Na mesma mensagem afirma que seria importante que a Adusp encaminhasse o cálculo individual dos autores.

10/9/2010 – Adusp envia carta a todos os membros do Co apresentando um relato sobre a ação do gatilho, desde 1987 até os dias de hoje, e solicitando a colaboração dos conselheiros para a resolução da questão o mais rapidamente possível (a carta pode ser lida em www.adusp.org.br).

14/9/2010 – Adusp responde a mensagem da Codage de 8/9 reafirmando que para efetuar o cálculo definitivo do montante devido a cada beneficiário da ação é necessário que a USP forneça, oficialmente, a evolução dos vencimentos e proventos dos beneficiários em 1987. Também pergunta se as falhas identificadas nos dados do sistema Marte, comunicadas à administração por beneficiários e pela Adusp, foram resolvidas. Na mesma mensagem, reitera pedido para marcarem o mais breve possível uma reunião, que poderia ser útil para o exame dos cálculos realizados para uma pequena amostra de beneficiários com os dados preliminares fornecidos pela USP em dezembro de 2009 (vide www.adusp.org.br).

17/9/2010 - Até essa data a Reitoria não marcou reunião com a Adusp.

 

Informativo nº 313