Entre os dias 23 e 26/4 o presidente da Adusp, professor Rodrigo Ricupero, cumprindo agenda definida pela Diretoria, reuniu-se com docentes de diversas unidades da USP, a maior parte delas sediadas em campi do interior.

No dia 23 ele esteve na Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB); no dia 24 na Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA), em Pirassununga; e no dia 25 no campus de São Carlos, onde conversou com docentes do Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU, onde ocorreu a reunião), do Instituto de Ciências Matemáticas e da Computação (ICMC), da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) e do Instituto de Física de São Carlos (IFSC).

A Faculdade de Saúde Pública (FSP), sediada em São Paulo no chamado “Quadrilátero da Saúde”, foi visitada por ele nesta sexta-feira (26).

Fotos: Juliana Lobato
Carla Morando (PSDB) e Wellington Moura (PRB) presidem a CPI Professora Bebel (PT)
Primeira sessão da CPI das universidades Barros Munhoz (PSB)

Os temas centrais, comuns a todas as reuniões realizadas, foram a situação geral da universidade, a questão financeira e suas implicações para a campanha salarial, os problemas relacionados à avaliação centralizada e ao regime probatório (via “Nova CPA” e CERT), o déficit atual de 600 docentes efetivos na USP e, por fim, as possíveis consequências da reforma da Previdência (PEC 06/2019).

O professor Andrés Vercik considera que a reunião de 24/5 foi esclarecedora, especialmente no tocante à avaliação centralizada, que vinha causando preocupação entre os docentes da FZEA. “Mas a Adusp acredita que o novo sistema deverá servir para distribuir dinheiro às unidades arbitrariamente, o que é ruim, mas menos grave do que um sistema punitivo”. Ele destaca ainda o entendimento do professor Ricupero de que a PEC 06/2019 “não vai ser tranquila” para os docentes das universidades públicas estaduais.

Na reunião da FOB, por sua vez, que contou com a participação do diretor regional da Adusp, professor Eliel Orenha, discutiu-se também a possibilidade de abertura de uma sede regional da associação.A próxima unidade a ser visitada pelo presidente da Adusp, em atividade prevista para o dia 8/5, será a Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), em Piracicaba.